Nadadora de 62 anos tenta cruzar estreito da Florida

Publicado Por: Sónia Serol - 20• Ago•2012

Diana Nyad, uma norte-americana de 62 anos, tenta pela quarta vez em 35 anos atravessar a nado os 165 km que separam Cuba da Florida. Desafio teve início no sábado e deverá durar mais de 60 horas.

“Há um pouco de medo, mas também de coragem, e durante este três dias é preciso que a minha coragem me ajude a superar o meu medo”, disse pouco antes de deixar a marina Hemingway, em Havana.

Diana Nyad, que faz 63 anos na quarta-feira, é apoiada por uma equipa de 50 pessoas, incluindo vários mergulhadores que têm como objetivo protege-la dos tubarês, muito numerosos no estreito da Florida. A nadadora recusa usar uma jaula contra estes animais.

O grupo inclui ainda especialistas em medusas, que já foram chamados a prestar a sua contribuição, depois de Diana ter sido picada no pescoço por uma medusa da espécia ‘Olindias formosa’. A picada é muito dolorosa, mas não mortal. A nadadora terá sido picada outras três vezes.

Diana já tentou ligar Cuba e Florida a nado noutras três ocasiões, em 1978, depois em agosto e em setembro de 2011. Nesta última vez, desistiu após percorrer cerca de 124 km em 40 horas, por causa das picadas das medusas.

 

Fonte: dn

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *