Morango ativa proteína no organismo capaz de prevenir doenças cardiovasculares

Publicado Por: Manuel Serol - 08• Jul•2012

Proteína Nrf2 reduz níveis de lipídios e colesterol “ruim” no sangue e aumenta efeito benéfico dos antioxidantes

Cientistas da Universidade de Warwick, no Reino Unido, descobriram que o morango ativa uma proteína no organismo que aumenta o efeito protetor dos antioxidantes sobre a saúde cardiovascular.

A pesquisa revela que a proteína Nrf2 atua reduzindo os níveis de lipídios e de colesterol “ruim” no sangue, diminuindo o risco de doenças cardíacas e diabetes.

Pesquisas anteriores haviam mostrado que a ingestão de morangos é capaz de controlar os níveis de glicose e colesterol “ruim” no sangue após a refeição e, portanto, diminuir o risco de doenças.

No entanto, segundo os pesquisadores, esta é a primeira vez que é provado cientificamente que os extratos de morango estimulam proteínas que oferecem proteção contra doenças em seres humanos.

“Descobrimos a ciência por trás de como morangos trabalham para aumentar nossas defesas inatas para manter células, órgãos e vasos sanguíneos saudáveis e que podem reduzir o risco de desenvolver problemas cardiovasculares, como doença cardíaca e diabetes”, afirma o líder da pesquisa Paul Thornalley da Warwick Medical School.

A equipe planeja agora usar técnicas de modelagem matemática e triagem para aprofundar o estudo e identificar as melhores variedades de morangos, como eles são servidos ou processados e quanto da fruta deve ser consumido para benefício ideal da saúde.

Fonte iSaude

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *